Maranhão credita à gestão de Cartaxo boatos e diz que fala de presidente do Senado põe fim a ‘fantasias’

0


O senador José Maranhão, presidente estadual do MDB e pré-candidato ao Governo do Estado, comentou, nesta quinta-feira (11), a decisão da Executiva Municipal do partido de apoiar a pré-candidatura de Luciano Cartaxo e a fala do presidente do Senado, Eunício Oliveira (CE), que declarou prioridade da legenda pela candidatura própria no estado.

Leia também: Rômulo diz que trabalha para manter MDB na frente de oposição, mas desabafa: “Se não tiver condição, paciência”

Maranhão disse ter visto com naturalidade o resultado da reunião do MDB, liderada pelo vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Junior. Segundo ele, grupo da municipal legisla em causa própria e a favor de Manoel.

“Esse pessoal é ligado a Manoel Junior e quer beneficiá-lo com uma coisa muito improvável, mas eles acreditam que podem, que é conseguir a renúncia de Luciano Cartaxo para ele assumir a prefeitura de João Pessoa. Eles estão lutando em causa própria, é inevitável. Na política os homens podem ser, como qualquer criatura humana, movida por seus interesses”, declarou ao Blog do Gordinho.

O senador falou ainda sobre uma série de boatos sobre uma possível falta de interesse da Executiva Nacional por sua candidatura a governador. O emedebista atribuiu participação nos fatos à Prefeitura da Capital e disse que a declaração de Eunício serviu para acabar com ‘fantasias’.

“A entrevista de Eunício põe fim a qualquer fantasia, chegou na hora certa, porque eles andaram espalhando que o partido era contra a minha candidatura. Qual partido é contra uma candidatura que tem toda viabilidade? Isso aí é uma forma feia de fazer política, ninguém pode fazer política com mentira. A mídia do prefeito Luciano Cartaxo tem uma grande responsabilidade nisso porque vem acolhendo esse boato, essa fofoca”, afirmou.

Comments are closed.