Agnaldo Timóteo: parcialidade do Judiciário sobre Lula é vergonhosa

0


O cantor e político Agnaldo Timóteo divulgou um vídeo em que denuncia a seletividade da Justiça brasileira contra o ex-presidente Lula.

“É doloroso ver a perseguição do [juiz Sergio]Moro sobre o Lula. Persegue o Lula há três anos ou mais por causa de um sitiozinho vagabundo. É vergonhosa a parcialidade do comportamento do Judiciário brasileiro em relação ao presidente Lula”, diz Agnaldo.

Para o ex-deputado e ex-vereador, que pretende se filiar ao PT para apoiar Lula na campanha de 2018, enquanto o ex-presidente é condenado na Justiça, “alguém recebeu 37 milhões, ninguém fala nada. O outro 80 milhões, ninguém fala nada”.

“Aquele homem que falava ‘pobrema’ venceu a intelectualidade”, lembrou o artista e político, sobre seu governo.

“Lula derrotou por quatro vezes o poder financeiro desse país e o PSDB, e se vier a ser candidato vai derrotar pela quinta”, ressaltou.

Assista: